Blog sobre relacionamentos, corte e lifestyle cristão.
 
 

#Testemunho| Da corte ao casamento – Joice e Rodrigo

Hoje temos um testemunho lindo, uma história regada pelo cuidado de Deus. Leia e inspire-se! Da corte ao Casamento Joice e Rodrigo.

 

11051611_1068768186473110_1466080911_n

 

Esses dias parei para pensar como Deus foi bondoso e gracioso em minha vida, não poderia imaginar a perfeita fidelidade dEle para comigo.

Eu aceitei Jesus aos meus 16 anos de idade, eu era mimada e rebelde, mas mesmo bagunçada a graça do Senhor me alcançou.

Eu sentia que o Senhor cobrava de mim um nível maior de entrega e santidade e aos 17 anos decidi entregar completamente o meu coração para que Deus o guardasse e  que eu pudesse entregar para a pessoa que Ele tinha reservado para mim.

Aproveitei muito o meu tempo de solteira fui viver o favor de Deus e confesso que esse tempo foi precioso demais, pude me conhecer, pude fazer amizades sinceras, eram várias noites da camisola na casa da minha mãe! rs, recebi muitas bênçãos em minha vida, entrei na faculdade, me tornei líder de célula, tive muitas discípulas fieis e sou muito grata a Ele por ter me proporcionado viver esse tempo tão bom!

Aos meus 19 anos eu nem imaginava que o Senhor iria me surpreender.

Eu trabalhava na região da Paulista e pegava o metro todos os dias na mesma porta e no mesmo vagão. Um dia dentro do vagão eu percebi que tinha um rapaz que ficava me observando, e por algum tempo a cena se repetia. Passou um tempo e não vi mais o rapaz no vagão.

Um dia eu indo trabalhar normalmente encontrei um amigo da igreja no vagão e seguimos o trajeto conversando, nos despedimos e ele desceu na estação seguinte. Eu já estava sozinha quando um rapaz me cutucou e perguntou se eu aceitaria uma bala, eu achei estranho e comecei a rir e quando olhei para ele lembrei que era ele o rapaz que ficava me observando há um tempo. Ele continuou e puxou assunto:

– Faz um tempo que não te vejo mais no metrô e não podia perder a oportunidade de falar com você! O meu nome é Rodrigo, eu trabalho com Marketing, sou graduado e você?

 

Na hora fiquei morrendo de vergonha, todos no vagão já estavam olhando para minha cara e eu respondi o meu nome e que estudava e então ele continuou:

– Eu sei que você já vai descer, então quero deixar o meu cartão, caso você queira conversar comigo me liga!

 

Ele me entregou o cartão eu peguei e desci, e quando eu já tinha descido ele colocou a cabeça para fora do vagão e gritou:

 

– Me liga mesmo tá!

 

Eu sai dando risada. 😀

 

Confesso que na hora fiquei meio balançada e confusa, pois nunca havia acontecido algo do tipo comigo, eu tinha decidido guardar o meu coração e desde então estava solteira esperando o meu príncipe chegar, mas o Rodrigo mexeu comigo e eu senti paz e mandei um e-mail para ele dizendo que atitude dele foi corajosa e que eu achei engraçado. Só que eu não tinha tirado a assinatura eletrônica do meu e-mail e tinha o meu telefone e logo ele me ligou e disse que queria a oportunidade para me conhecer melhor.  Fiquei em crise e pensei comigo mesma, vou sair com ele, vou falar que sou evangélica, que estou esperando o homem de Deus pra minha vida e daí ele já cairia fora da minha vida e me deixaria em paz.

 

E no dia 28 de agosto de 2006 saímos pela primeira vez, combinei com ele para ele me buscar na faculdade, cheguei à sala de aula e falei para as minhas amigas o que tinha ocorrido e que ele iria me buscar na faculdade e que era para elas olharem bem a cara dele, pois se eu não fosse na aula no outro dia era para elas irem até a policia denunciar e ele e fazer o retrato falado.

O Rodrigo chegou à faculdade brincando com todo mundo como se ele fosse amigo de todos, fiquei super envergonhada, então saímos para tomar um café. Ele ficou por horas falando dele, dos projetos, das coisas que ele achava legal e quando ele me deu a oportunidade eu disse:

 

– Sou evangélica, tenho me guardado para um homem de Deus, agora que você já falou do seu mundo, gostaria de apresentar o meu.

 

Eu o convidei para visitar uma célula e no sábado seguinte ele foi à célula e aceitou Jesus e depois desse dia ele nunca mais deixou de frequentar. Eu sabia que ele ia por minha causa, até o dia que ele foi para o encontro com Deus, se batizou e teve a vida transformada. Foi um processo até a gente se relacionar de fato. O meu coração já era dele, mas não tínhamos um relacionamento assumido. Tive de esperar ele crescer em Deus. Foi um tempo de muito choro, tanto pra mim quanto para ele, mas ele tinha de provar que maior na vida dele era Deus e não eu. Em junho de 2008 entramos na corte e em novembro de 2009 nos casamos.  Nesse processo de espera, a família dele toda se converteu. Eu vi os milagres de Deus na vida dele várias vezes.
11026613_1068768113139784_521732679_nImagem: acervo de fotos do casal

O Rodrigo é um esposo exemplar, além de ser lindo, rs . Lógico que ele tem falhas como também tenho, mas nos amamos e muito, ele me completa!

 

Todas as vezes que me lembro da nossa história eu vejo como o Senhor me guardou, eu sei que Deus separou o Rodrigo pra mim, e talvez se ele tivesse falado comigo a primeira vez que ele me viu certamente essa história não seria contada. Eu senti paz em conversar e sair com o Rodrigo, porém confesso que me arrisquei, ele poderia ter várias intenções comigo e me ferir, mas Deus me deu paz e eu não iria fazer nada que o Senhor não permitisse.

 

O Rodrigo também foi uma lição pra mim! Eu imaginava que o meu esposo viria em um cavalo branco rs, cheio de unção e que jamais eu iria me relacionar com um novo convertido. Com isso eu aprendi que não podemos limitar o poder de Deus.

 

Hoje nós lideramos uma rede de discipulado, o Rodrigo é muito mais sábio do que eu, e toda vez que ele ministra eu me sinto inspirada, ele é cheio de unção!

 

Para você que está lendo esse testemunho quero dizer, não limite o poder de Deus e seja guiado pelo Espirito Santo. Não seja carnal, nem olhe só a posição ou a aparência, mas busque em Deus a pessoa que Ele tem pra você.  A própria bíblia diz, O homem vê a aparência, mas Deus olha o coração. Viva em santidade e desfrute do tempo de solteiro. É um tempo tão precioso que não volta mais. A bíblia diz que o solteiro deve cuidar das coisas do Senhor e o casado deve cuidar da sua esposa e das coisas do Senhor.

 

Eu sei que Deus viu o meu coração acima de tudo e me honrou. Ele certamente honrará você também.

 

Confira o vídeo onde a história do casal é contada.

 

Testemunho: Joice Barroso e Rodrigo Vicente

Igreja: Videira Itaquera –SP

 

Se você também tem um testemunho, envie um  e-mail para: contato@odiáriodazoe.com.br
Lembre-se o testemunho edifica a igreja, não deixe de compartilhar.

O Diário da Zoe

9 de março de 2015 CorteTestemunho
7 comments

7 Responses to “#Testemunho| Da corte ao casamento – Joice e Rodrigo”


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top