Blog sobre relacionamentos, corte e lifestyle cristão.
 
 

#Testemunho | Rosângela e Edson – Ele.

ER-275 - Cópia

 

E lhes darei um só propósito, um só coração e um só Caminho; a fim de que me amem com amor reverente para sempre, para o seu bem e para o bem de seus filhos no futuro. Farei com eles uma Aliança eterna: não deixarei de abençoá-los com tudo de bom e colocarei o meu temor no íntimo do seu ser, para que nunca mais se afastem de mim.  Jeremias 32:39,40

 

A minha infância parecia um acompanhamento militar, meus pais vieram do Nordeste e juntos conquistaram seus espaços aqui em São Paulo. Com isso, buscaram passar esse zelo e determinação para mim e meu irmão mais velho. Vivíamos debaixo de uma forte disciplina de horários e o que devíamos ou não fazer. Apesar das regras, crescemos num lar onde tinha muita festa, celebração, mas também um lar onde tinham muitas brigas. Por um lado meu pai passivo e calado, e do outro, minha mãe super ativa, a governanta da casa, que mandava, determinava e organizava com braço forte. Um lar aparentemente comum, mas onde visualizava um padrão de relacionamento completamente ineficaz, pois, ambos apenas desfrutavam das coisas materiais, sem ter um relacionamento verdadeiro. Com o passar dos anos, totalmente distante do evangelho, cresci e aprendi a me relacionar por mim mesmo, estudei em escola particular e era mimado por meus pais em tudo. Tive amizades que me apresentaram a bebida alcoólica, drogas, balada, etc. Por volta dos 17 anos minha mãe se converteu em uma igreja super tradicional e tentou levar toda a família aos cultos, mas da forma que ela pensava ser o certo, truculenta e forçada. Com isso fui pegando mais desapreço pelo evangelho, a cada dia me afundando nas drogas, festas e pulando de relacionamento em relacionamento, coração vazio e sem propósito.

 

Quando tinha mais ou menos 23 anos meu irmão mais velho se converteu também em uma igreja tradicional, e em 3 anos ele se casou com uma moça que a família frequentava a igreja Videira. Eles decidiram ir no Encontro com Deus,  e lá ele se converteu verdadeiramente e começou um processo de nos aproximarmos. Foram 4 anos orando, sendo que no ultimo ano a célula era em minha casa, mas fiquei 1 ano ainda postergando para conhecer.

 

Em novembro de 2010 fui a primeira vez a uma célula de adultos e 2 semanas depois fui ao Encontro. Tive um encontro tão poderoso com Deus, que lá mesmo ouvi a voz de Deus falando que eu só iria beijar a minha esposa no altar. Como um jovem que desconhecia a bíblia, fui buscar conselhos com os líderes que cuidaram de mim no Encontro e eles me contaram sobre a corte. Lembro-me que fiquei curioso e interessado em conhecer o padrão da corte, logo no primeiro mês escutei as ministrações do Pastor Naor e li o livro dele, tomei a melhor decisão para minha vida, viver em consagração a Deus.

Na época eu estava namorando com planos para me casar. Como eu não tinha padrão algum de relacionamento, carreguei esse namoro por mais 1 ano, mas depois desse tempo decidi abrir mão do relacionamento, pois a antiga namorada não havia se convertido e não tinha mais propósito continuarmos juntos. Devida a dor de romper o relacionamento, naquela época já com 3 anos, fiz um propósito diante de Deus de somente abrir meu coração para a moça que eu tivesse convicção que iria me casar e decidi me separar ao ministério. Fiz os cursos, Ceifeiros, Maturidade e CTL, fui levantado como líder de célula, e em 2 meses liderando multipliquei a célula em 3, estava muito feliz e realizado em tudo que Deus estava fazendo em minha vida. E foi que entrei no Curso Pastoral Presencial, na Vila Mariana. Foi então que Deus iniciou os planos de Deus em minha vida quanto ao meu casamento. Minha atual esposa também ingressou no Curso Pastoral, e eu me comprometi a compartilhar todo o material das aulas com os alunos que eram de Itaquera e com isso comecei a ter um relacionamento bem distante com a minha futura côrte. Naquele tempo não tive interesse algum, passou o primeiro ano e tínhamos apenas o vinculo através do curso, ela foi enviada para a Microigreja de Itaquaquecetuba e eu permaneci crescendo em Itaquera.

e-session noivado (1)

Com o passar do tempo, no segundo ano depois de muitas experiências no curso e fora dele, ao final do segundo ano comecei a lembrar de cada momento que vivi no curso e veio o interesse em contatar a Rosangela para ver como ela estava, e começamos a conversar sobre ministério e a vida com Deus. Lembro-me que Deus me deu uma palavra num momento que ela estava passando por lutas e desafios, uma palavra encorajadora, e nesse período comecei a olhar a Rosangela com outros olhos. Logo que percebi isso, fui falar com meus líderes, pois até então só ouvia falar dela, não sabia nada da história dela e o meu primeiro discipulador, o Pastor Clayton Monteiro, foi líder dela e marquei de compartilhar dos meus sentimentos com ele. Ele me deu diversas direções e lembro-me para primeiramente guardar meu coração e manter esse contato seguro, sem envolver o pessoal, conversei com o Pastor Leonardo que pediu para que eu fizesse um propósito de orar e me consagrar até que Deus confirmasse essa aproximação. Passaram alguns dias e logo esse sentimento foi aumentando a ponto de querer saber mais e mais dela. Fiz o pedido ao Pastor que gostaria de relacionar e conhecê-la. Alguns encontros foram promovidos entre eu, ela, discípulos e líderes nossos para nos conhecermos. A cada encontro era gerado mais e mais convicções no meu coração que poderia ser ela a mulher que iria cumprir o propósito de Deus junto comigo. Entramos em côrte após poucos meses desse inicio de vinculo. O pastor oficializou nossa corte e oramos para definir a data de nosso casamento, que foi em outubro de 2014, 11 meses depois de tudo isso.

ER-520

Nesse tempo promovemos encontros, sempre debaixo da benção dos nossos líderes. Nos primeiros meses nos encontramos sempre acompanhados para preservar nossos corações e faltando 6 meses para o casamento começamos a nos encontrar sozinhos para obter mais vínculos. Iniciamos o curso de noivos, realizado pelo Pr. Leonardo e Pra. Mariana Almeida, e foi uma benção, crescemos muito. Permanecemos firmes no propósito de côrte até o fim, a nossa segurança estava no temor em responder a nossa liderança, que trazia direções claras e especificas a cada período da corte. Não pensei em avançar o sinal em nenhum momento, mesmo desejando a minha esposa, pois maior era o desejo de conquistar valores em minha vida e que nenhum  membro da minha família tinha conquistado, como disse no inicio fui tão ferido com o padrão de relacionamento que via dentro de casa, entre meus pais, irmãos, parentes, que decidi ser diferente e pagar um preço maior.  A motivação de andar em santidade era alimentada pelos péssimos exemplos que via dentro de casa, o fruto que eles colhiam em não decidir andar num padrão de vida elevado. Agradeço a Deus em solidificar minhas convicções, pela Graça de Deus conquistamos uma etapa que poderemos ensinar a nossa geração vindoura e posso afirmar vale muito a pena esperar, o que colho hoje junto a minha esposa é infinitamente maior do que tudo que experimentei no mundo, o sentimento de estar trilhando um caminho guiado por Deus é fantástico. É verdadeiramente arrebatador o sentimento que Deus nos proporciona quando estamos juntos, e tenho plena convicção que foi fruto a escolha pela côrte e entendo que o preço que pagamos no início vai determinar fielmente o que colheremos no decorrer de nossas vidas.

ER-720

Eu vivi a côrte na plenitude e sou um testemunho vivo de que este é o padrão de Deus para os relacionamentos.

Nossas músicas:

 

E se você quiser ver o trailer do casamento clique aqui

Confira aqui o testemunho dela – Rosângela Melo.

Testemunho: Edson Melo

Igreja: Videira Itaquera

Cidade: São Paulo/SP

 

 

Lembre-se, o testemunho edifica a igreja. Compartilhe o que Deus tem feito em sua vida também. Nos mande um e-mail: contato@odiariodazoe.com.br.

 

O Diário da Zoe.

 

.

 

18 de agosto de 2015 Testemunho
1 comment

One Response to “#Testemunho | Rosângela e Edson – Ele.”


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top