Blog sobre relacionamentos, corte e lifestyle cristão.
 
 

#Relacionamentos | Investindo em laços de alma! 

laços_20

 

Oi gente,

Sempre acompanhamos a audiência do blog, e dentre os textos que são mais acessados o post sobre Laços de Alma é um dos campeões de visualização! Então quero abordar um outro aspecto sobre esse tema.

Você sabia que nem todos os laços de alma são ruins ? Pois é, e ainda temos que investir em certos relacionamentos para que os laços de alma se tornem cada vez mais fortes.

Calma! Não fique escandalizado. Os laços de alma bons pra nós estão na palavra. Como o casamento, relacionamento entre pais e filhos e amizades genuínas de companheirismo. Todos esses relacionamentos envolvem laços de alma e só são possíveis através do amor ágape, amor de Deus fluindo em nós.

Quero mostrar alguns exemplos desses laços de alma na palavra:

 

CASAMENTO 

A primeira menção desse tipo de laço de alma aconteceu no Éden:

Então o Senhor Deus fez cair um sono pesado sobre o homem. e este adormeceu; tomou-lhe, então, uma das costelas, e fechou a carne em seu lugar; e da costela que o Senhor Deus lhe tomara, formou a mulher e a trouxe ao homem. Então disse o homem: Esta é agora osso dos meus ossos, e carne da minha carne; ela será chamada varoa, porquanto do varão foi tomada. Portanto deixará o homem a seu pai e li sua mãe, e unir-se-á à sua mulher, e serão uma só carne. Genesis 2: 21 a 24

Sem dúvida o casamento é um dos laços mais fortes e mais importantes. Por isso a questão do sexo é tratada de forma tão séria na Bíblia. A perversão desse ato que pertence exclusivamente ao matrimônio está levando a sociedade e a igreja a decadência humana.

É fácil observar que maior parte de pessoas com problemas de depressão estão com problemas nessa área da vida. Uns por se divorciarem e romperem uma aliança que foi feita com o princípio de durar até morte,  outros por se envolverem sexualmente fora do casamento e unirem-se completamente com uma ou muitas pessoas.

Ainda sobre esse laço de alma é importante ressaltar alguns aspectos:

Por meio das ligações, se estabelece um canal espiritual. Por exemplo: em um casamento sadio, o Espírito Santo opera entre esposo e esposa. As bênçãos de Deus são comuns entre os dois, porque são “um“.

O mesmo princípio opera nas ligações de alma demoníacas. Os espíritos malignos em uma pessoa expõem a outra para a entrada de espíritos semelhantes ao ocorrer uma união pecaminosa entre eles pela qual se tomou “um” (transferências de demônios).

 

PAIS E FILHOS

“Agora, pois, se eu for ter com o teu servo, meu pai, e o menino não estiver conosco, como a sua alma está ligada com a alma dele, acontecerá que, vendo ele que o menino ali não está, morrerá; e teus servos farão descer as cãs de teu servo, nosso pai, com tristeza ao Seol.”(Gn.44:30-31).

 

Nesse exemplo, Jacó havia apegado sua alma a de seu filho Benjamin, isso aconteceu após a suposta morte de seu filho José. Jacó teve Benjamin como consolo por sua perda. Era um filho muito estimado.

É inegável o amor dos pais pelos filhos e a palavra ainda fala sobre isso para exemplificar o amor de Deus.

Porventura pode uma mulher esquecer-se tanto de seu filho que cria, que não se compadeça dele, do filho do seu ventre? Mas ainda que esta se esquecesse dele, contudo eu não me esquecerei de ti. Isaías 49:15

 

 

AMIZADE

A amizade entre Jônatas e Davi:

“Ora, acabando Davi de falar com Saul, a alma de Jônatas ligou-se com a alma de Davi; e Jônatas o amou como à sua própria alma“. Esta amizade foi muito elevada e em todo o tempo houve presença de amor e respeito um pelo outro. 1 Sm.18:1 

 

Essa amizade é muito usada com uma interpretação errada, para justificar alguns comportamentos iníquos e abomináveis diante de Deus. Contudo seu real significado é uma amizade genuína de profundo companheirismo. Ela expressa o amor ágape entre dois amigos que se entregam completamente em confiança um para com o outro. Jônatas arrisca sua própria vida por amor a Davi, e Davi por sua vez cumpre até o fim sua aliança com o amigo Jônatas.

São o verdadeiro exemplo descrito em Provérbios.

O homem de muitos amigos deve mostrar-se amigável, mas há um amigo mais chegado do que um irmão. Provérbios 18:24

 

Temos outro exemplo desse tipo de amor e companheirismo, que é entre Noêmi e sua nora Rute.

Nos dias em que os juízes governavam houve um período de grande fome na terra e a família de Noêmi (ela, o marido Elimeleque e os dois filhos Malom e Quiliom) partem em direção à Moabe e ali permanecem. Seu marido morre e os dois filhos casam-se com mulheres moabitas (Orfa e Rute). Passando-se alguns anos morreram também os dois filhos, ficando assim Noêmi desamparada de seus dois filhos e de seu marido. Assim sendo, Noêmi e as duas noras saem de Moabe, caminhando para a terra de Judá novamente, pois ouvia-se que o Senhor havia visitado o seu povo, dando-lhe pão. Noêmi então sugere às suas noras, agora viúvas, que cada uma delas volte para a casa de sua respectiva mãe. Quando Noêmi as beijou, ambas levantaram a voz e choraram.

“Então levantaram a voz, e tornaram a chorar; e Orfa beijou a sua sogra, porém Rute se apegou a ela. Pelo que disse Noêmi: Eis que tua concunhada voltou para o seu povo e para os seus deuses; volta também tu após a tua concunhada. Respondeu, porém, Rute: Não me instes a que te abandone e deixe de seguir-te. Porque aonde quer que tu fores, irei eu; e onde quer que pousares, ali pousarei eu; o teu povo será o meu povo, o teu Deus será o meu Deus. Onde quer que morreres, morrerei eu, e ali serei sepultada. Assim me faça o Senhor, e outro tanto, se outra coisa que não seja a morte me separar de ti. “Rute 1:14-17

Uma forte ligação entre almas estava estabelecida entre Rute e Noêmi.

 

 

IGREJA

Há ainda outro exemplo desse laço de alma importante para nós. Esse expressa a clara vontade de Deus nos relacionamentos. É a genuína essência da igreja.

“Da multidão dos que criam, era um só o coração e uma só a alma, e ninguém dizia que coisa alguma das que possuía era sua própria, mas todas as coisas lhes eram comuns. ” Atos 4:32

 

Paulo, era tão fascinado por essa verdade que sempre frisou em suas cartas o seu encargo pela igreja, com orações aos santos por essa revelação:

Oro para que, com as suas gloriosas riquezas, ele os fortaleça no íntimo do seu ser com poder, por meio do seu Espírito,
para que Cristo habite em seus corações mediante a fé; e oro para que vocês, arraigados e alicerçados em amor,
possam, juntamente com todos os santos, compreender a largura, o comprimento, a altura e a profundidade,
e conhecer o amor de Cristo que excede todo conhecimento, para que vocês sejam cheios de toda a plenitude de Deus. Efésios 3:16-19

 

Vimos em todos esses exemplos laços de alma, mas não aqueles que como a palavra diz são destrutivos pra nós:

“Espinhos e laços há no caminho do perverso; que guarda a sua alma retira-se para longe deles. Não faças amizade com iracundo: nem andes com homem colérico; para que não aprendas as suas veredas, e tomes um laço para a tua alma.” Pv.22:5;24-25

 

Os laços que estamos falando tratam-se de laços fundamentais para nossa vida.

Em cada um de nós há um desejo de vivermos um bom casamento, constituirmos família e termos bons relacionamentos com nossos pais e filhos. Possuir amizades verdadeiras e vivermos em unidade com os irmãos. Esse é um desejo legítimo e está dentro do propósito de Deus, afinal ele nos criou com essa finalidade. Fomos feitos pra nos relacionarmos.

Por isso é necessário investimos nesses nesses laços de alma. É perceptível que os problemas que nos cercam estão ligados diretamente à algum desses níveis de relacionamento. Também é claro o investimento de satanás para destruí-los.

Nos últimos 21 dias fizemos em nossa igreja local um jejum pela unidade, e pudemos compreender que a unidade fala do estilo de vida de Deus e que sem ela nunca desfrutaremos da plenitude d’Ele.

Nesse tempo eu tive revelação do peso dos relacionamentos na nossa vida, e também descobri que o descontentamento com a vida está ligado diretamente a eles.

Então, como investir nesses laços de alma?

Enquanto os passos para romper com os laços de alma malignos falam de tirar das nossas vidas tudo o que nos liga a eles, sejam lembranças, contatos físicos ou espirituais ou até mesmo objetos, para investir em laços de alma devemos fazer ao contrário:

  • Restaurar os relacionamentos quebrados;
  • Liberar perdão, ter uma conversa sincera;
  • Ser alguém que investe tempo de qualidade com essas pessoas;
  • Estar disposto e disponível;
  • Ouvir;
  • Abrir mão de sua razão em virtude de manter um relacionamento saudável;
  • Criar oportunidades para que esses relacionamentos se desenvolvam;
  • Dar prioridade.

Tive uma experiência recente onde uma amiga querida estava praticamente isolada, percebia a frieza dela no meio da igreja, e eu simplesmente havia abandonado esse relacionamento. Foi então que percebi meu erro e passei a contatá-la, conversamos, demos inicio a restauração desse relacionamento e posso testemunhar de um milagre que aconteceu, em pouco tempo ela voltou a atividade, é perceptível a transformação. Claro, ela ainda tem suas dificuldades, mas agora estamos juntas caminhando pra superar isso, mas eu tive que dar o primeiro passo.

As vezes estamos perdendo pessoas preciosas simplesmente porque não estamos dispostos a sofrer o dano, investir tempo, morrer pra nossa vontade ou mesmo passar por cima do ego e pedir perdão.

É importante valorizar os relacionamentos que Deus nos deu, eles são o canal pelo qual seremos tocados pelo amor de Deus.

Espero que esse post faça você refletir, buscar restaurar e investir nos relacionamentos da sua vida.

 

 

Com encargo,

 

 

 

dz

 

 

Danielle dos Santos
@danielle.dz
danielle@odiariodazoe.com.br

 

 

21 de março de 2016 Palavras de vidaRelacionamentos
4 comments

4 Responses to “#Relacionamentos | Investindo em laços de alma! ”


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top