Blog sobre relacionamentos, corte e lifestyle cristão.
 
 

#Relacionamentos | Eu – Temperamentos.

tempeR

 

 

Olá pessoal, tudo bem?

 

Nessa série de posts que intitulamos de “EU” queremos focar a questão do Ego, dos temperamentos e como lidar com tudo isso.

Na semana passada falamos sobre a reação de pessoas contrariadas e que a chave para fluir nos relacionamentos (seja lá qual for) é CEDER.

Para os temperamentos, temos 4 classificações que são: sanguíneo, melancólico, fleumático e colérico.

É importante dizer que nenhuma pessoa se encaixa perfeitamente apenas em uma classificação, cada um tem um percentual de cada temperamento e geralmente dois sobressaem mais.

Vamos ver as qualidades e defeitos de cada um?

temp

 

Com toda certeza você já se identificou com alguma classificação ou com todas! Kkkkk…

Geralmente quando comento com as pessoas que uma das classificações que sobressaem em meu temperamento é colérico já ouço um “vishhhh…!!” ou “Nossa!”. Quero esclarecer que não existe uma classificação melhor ou pior que a outra, pois todas têm as qualidades e os defeitos. Não temos porque nos orgulhar de ter essa ou aquela classificação de temperamento.

Se você quer saber qual é o percentual que define o seu temperamento, acesse através desses links dois tipos de testes:

Ambos os testes não são tão completos, mas dá para ter uma noção do que compõe o seu perfil.

A Fabiola Melo falou um pouco sobre temperamentos nesse vídeo:

 

Agora que você já sabe se é sanguíneo, fleumático, melancólico ou colérico, quero te falar algo: Nenhuma dessas classificações define quem você é e muito menos é respaldo para agir como age!

Como assim Carol? :O

Pois bem, já te explico! 😉

Muitas pessoas usam a questão dos temperamentos para respaldar seus erros, o descontrole, as intolerâncias, a insubmissão e o velho egocentrismo. Existem aqueles que inclusive falam “Eu sou assim mesmo!” e andam segundo os desejos deles em nada ouvindo o ES.

Em Gálatas 5:22-26 vemos o que nosso temperamento e caráter devem expressar:

Entretanto, o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, paciência, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio. Contra essas virtudes não há Lei. Os que pertencem a Cristo Jesus crucificaram a carne, com as suas paixões e os seus desejos. Se vivemos pelo Espírito, andemos de igual modo sob a direção do Espírito. Não nos tornemos arrogantes, provocando-nos uns aos outros e tendo inveja uns dos outros.

 (Versão King James – grifo meu! 😀 )

 

Podemos notar que no texto após serem citados os frutos do ES é falado a respeito de crucificar a carne, as paixões e os desejos, ou seja, não fazer a sua própria vontade.

Temos sempre que ter em mente que apesar do nosso temperamento o que deve sobressair em nós é o caráter de Cristo, que tem cada um dos frutos do ES citados logo acima. Antes de pensar que você é colérico, pense: Sou cristão, um pequeno Cristo, e devo expressar a Ele.

Mas como fazer isso?

Confesso que para mim não foi e não é fácil lutar contra mim mesma, pois sempre quero fazer o mais cômodo que claro, é a minha vontade. Por exemplo: O que realmente pesa em meu temperamento é a autossuficiência, não depender de ninguém, quero fazer tudo sozinha… mas a palavra de Deus me diz o que? Que devo ser dependente de Deus, assim como Jesus foi. Então eu renovo a minha mente pela palavra para ver as situações de uma perspectiva diferente (a de Deus, claro!), não cedo a minha vontade, mas consulto ao ES e me deixo ser guiada por Ele. Repito: não é fácil… mas como diz um amigo meu: Quem disse que seria fácil? Rsrsrsrsrs.

Saber qual é a classificação do seu temperamento ajuda, mas não é um guia tipo um horóscopo que diz exatamente como você é e sempre será (misericórdia se você lê horóscopo!! :O). Lembre-se que estamos em constante transformação e inclusive o seu temperamento precisa ser transformado e conduzido pelo ES.

Se você se interessou pelo assunto e quer entender mais profundamente sobre, temos duas indicações de livros que irão te ajudar!

 

Qual a combinação do seu temperamento? Compartilha com a gente nos comentários qual tem sido a sua maior dificuldade! 😉

Com amor,

 

pickerimage

 

 

 
@anacarolina.dz

anacarolina@odiariodazoe.com.br

16 de abril de 2015 Relacionamentos
No comments yet


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top