Blog sobre relacionamentos, corte e lifestyle cristão.
 
 

#Relacionamentos | Côrte – Resolvidos para casar.

noivos ok

 

 

Olá pessoal, tudo bem?

 

Esses dias tenho tido aulas de sociologia do casamento no seminário, e claro que isso me inspirou a escrever sobre o assunto para vocês. 🙂

 

Antes de qualquer coisa, quero desmentir algo que as pessoas têm a tendência de achar. Ela pensam que quando estamos prontos para casar, estamos TOTALMENTE resolvidos em TODAS as áreas da vida, que estamos perfeitos e etc, mas se chegarmos a esta “estatura de varão perfeito”, seremos assuntos aos céus e não chegaremos ao altar (o que não é má ideia! Rsrsrs). Mas, isso não nos exime de alinharmos nossas vidas para chegarmos ao casamento mais resolvidos que hoje, ou seja, mais “inteiros”. Para facilitar, vamos dividir o assunto em tópicos:

 

 

 

chorando

Resolvendo-se Emocionalmente

 

Essa é a primeira área que precisamos nos preocupar, pois se você não está inteiro emocionalmente, quando se unir a outra pessoa, terá sérios problemas de carência, de dependência emocional, que gerarão brigas, discussões, conflitos e etc.

Quando eu entreguei meu namoro (leia mais aqui!) para o Senhor, eu entendia que aquela era a vontade d’Ele, mas confesso que agi por fé e obediência, porque eu não entendia a real necessidade de fazer aquilo. Depois que eu respondi e comecei a avançar, compreendi que o plano do Senhor era que eu dependesse apenas d’Ele. Enquanto Ele não fosse suficiente para suprir as minhas necessidades emocionais, eu nunca poderia me relacionar, pois se tornaria algo doentio. Então, após o primeiro período de desintoxicação da outra pessoa, passei a contar com Jesus para tudo! Ao invés de ligar para o namorado de noite, eu falava com Jesus. Quando eu me sentia carente e sozinha, Ele que me abraçava (literalmente! 😮 ). Nosso relacionamento cresceu demais, foi um tempo muito bom!  Porém, certo dia eu fui provada, pra ver se o meu coração estava mesmo escondido em Jesus e eu falhei! 🙁

Infelizmente, eu achei que tudo já estava OK, que eu estava prontinha pra me relacionar, que as intenções do meu coração estavam alinhadas com as de Deus, mas foi aí que eu me enganei. Após descobrir que eu ainda não estava pronta, me pus a orar e alinhar meu coração com o de Jesus. Claro que Ele foi super misericordioso e usou dessa situação pra me ensinar.

 

 

 

preocupado finan

 

Financeiramente

 

Quem é que paga as suas contas?

 

Outro aspecto que hoje as pessoas não são resolvidas é no âmbito financeiro. Nunca vi tantos jovens com nome sujo e dívidas altíssimas. Eu não me excluo disso, pois estava nesse meio! 😮

Eu tinha empréstimos, dívidas de cartão de crédito, nome sujo… E na realidade eu nem sabia pra onde ia todo o dinheiro que eu devia, porque eu não tinha muitas roupas e nem andava com coisas tão caras.

Entendo que quando servimos à Mamon, ficamos presos nele e em tudo aquilo que ele nos proporciona. Eu vivia presa em dívidas, mas nem desfrutava daquilo que eu tinha gasto.

Quando entrei na corte e fiquei noiva, o milagre de Deus em minha vida financeira foi tão grande que sinceramente, eu nem me lembro como fiz pra quitar tudo o que devia e iniciar a vida de casada apenas com algumas dívidas do casamento mesmo.

 

 

 

 

orando

 

Espiritualmente

 

Duas prerrogativas para iniciar a côrte é ser crente e ter mais de um ano de fé. Você deve ter preenchido esses requisitos, mas é importante também que seja alguém maduro, porque a côrte não é um conjunto de leis, e sim deve ser vivida por revelação e por fé. Aqueles que tentam viver a côrte sem ter intimidade com Deus, ser guiado pelo ES, sem ter uma visão espiritual das coisas poderá não chegar ao final da corte com um noivado, porque o peso da lei é muito forte.

 

Busque ao Senhor não só pra ficar resolvido e se casar, mas pra desfrutar de um relacionamento primeiro com Ele.

 

 

 

felicidade

 

Aprendendo a ser solteiro

 

“Você só estará pronto para casar, quando aprender a ser solteiro. Só pode se casar um dia, quem já foi solteiro.”

 

Essa frase acima é bem verdade, porque não tem como você se comprometer com alguém se um dia não experimentou ser solteiro. Vejo alguns casos de pessoas que nunca foram solteiras, nunca aproveitaram disso em suas vidas e sempre estavam com algum “rolo” por aí. A parte ruim disso é que quando essa pessoa casa, ela quer viver a solteirísse e me desculpe, uma vez o compromisso assumido, não tem como voltar atrás.

 

Depois que terminei o namoro, eu tive que aprender a ser solteira… A contar com os amigos, a sair e não precisar dar satisfações, a não ficar refém de alguém, a não aprisionar alguém, enfim… Foram imensas as barreiras que tive que transpor, porque eu nunca tinha vivido daquela forma, estava realmente aprendendo.

 

Se você hoje é solteiro, com certeza deve ansiar por se casar, é claro! Eu te digo que casar é muito bom, mas que o tempo de solteiro também é precioso e aqueles que não aproveitam dele, algumas vezes se arrependem. Viva cada período da sua vida intensamente, pra Jesus e com Jesus, você pode ter certeza que não vai se arrepender.

 

 

Você se “encaixa” e alguns desses aspectos que comentei acima? Decida romper em cada uma dessas áreas e se resolver para que os propósitos de Deus em sua vida se cumpram, tanto em seu tempo de solteiro como através do casamento.

 

 

 

Com encargo,

 

 

 

 

Carol Assinatura

 

 

 

 

 

 

Ana Carolina Ferreira

anacarolina@odiariodazoe.com.br

@anacarolina.dz

5 de abril de 2016 CasamentoCorteRelacionamentos
4 comments

4 Responses to “#Relacionamentos | Côrte – Resolvidos para casar.”


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top