Blog sobre relacionamentos, corte e lifestyle cristão.
 
 

#Relacionamentos | Corte – Como começar?

Start-Line__

 

 

O título desse post é a dúvida que permeia a mente de muita gente que já entendeu que a corte não é o substituto do namoro, que ela foi estabelecida com o propósito de conhecer a outra pessoa para o casamento, que é vivida por revelação e não leis/regras e que precisa estar alinhada com o propósito eterno de Deus.

 

No post Corte – Já posso nisso? falamos sobre os requisitos para saber se já estamos prontos para relacionar na corte. Se você já está pronto, pode partir para a parte prática! 😉

 

 

1 passo: Orar

 

 

menina_rezando

 

Hahahaha com certeza você achou que eu ia falar que era pra você avistar alguém para conversar e oficializarem a corte!?!?! Vamos com calma… Somos seres espirituais guiados pelo ES, então o primeiro passo é sim a oração. Para alguns quando falamos de oração, já pensam que queremos enrolar, deixar o tempo passar… Mas pelo contrário! A oração estabelece a conexão com Deus, que é quem te direcionará na escolha da pessoa que irá cumprir o propósito d’Ele ao seu lado pelo resto dos seus dias, então é importante consultá-lo para não perder o seu tempo em algo que Ele não é para você. O mundo banalizou o casamento e isso fez com que as pessoas, mesmo as crentes, pensem que se não der certo podem desfazer o “contrato” do casamento e partir pra outra. Quero te dizer que esse é um pensamento satânico, porque o casamento não é um contrato e sim uma aliança e alianças são eternas. Por isso a grande importância da oração, porque se você errar, o erro será para o resto da vida… Até que a morte os separe.

 

 

 

2 passo: Observar

 

tumblr_md0xw2Oxvj1ryfqeb

 

 

É importante que no tempo de oração você peça para o Senhor tirar as vendas dos seus olhos para que você possa enxergar as qualidades e defeitos das pessoas que te cercam, pois assim como falamos no post Sapo ou Príncipe, o seu príncipe/princesa pode estar do seu lado e você está julgando como sapo.

Observe os irmãos que já tem as prontos para se relacionar, assim como você. Veja se são frutíferos, intensos na obra, se trabalham e etc.

 

 

 

3 passo: Alinhe com a sua liderança

 

 

Desde que a intenção de casar surgiu em seu coração, é importante compartilhar com a sua liderança, para que você seja coberto de oração e seja instruído. Muitas vezes quando estamos dentro de uma situação, não conseguimos enxergar as causas e efeitos de forma abrangente, então é sim importante que a liderança esteja envolvida em todo o processo. Tem alguns irmãos que são super exigentes, se acham o melhor partido da igreja, mas não olham para si… E nada melhor do que um discipulado para aparar essas arestas.

Sua liderança nunca substituirá o ES, mas poderão te instruir dentro da palavra e te acompanhar nessa decisão super importante, que é com quem você irá passar o resto da sua vida.

 

 

 

4 passo: Envolva seus pais

 

 

Muitas pessoas agem conforme o mundo e acabam escondendo o processo de oração, de espera e observação de seus pais. Quero te dizer que a corte envolve sim a família, o contrário do namoro, que exclui. A família é peça chave para que o seu relacionamento avance. Seus pais não querem o seu mal, eles te amam e se não concordam com algo, é bom ponderar.

 

 

 

 

5 passo: A apresentação

 

tumblr_lp5wznp9971qf2oo3o1_500

 

 

Após todos os “sims” de Deus, dos pais, da liderança, das condições, é tempo de a sua liderança entrar em contato com a liderança da pessoa que há o interesse para que comecem a orar juntos e especificamente pelo relacionamento. Se a paz que é o árbitro em nossos corações permanecer confirmando no coração de todos para que o relacionamento prossiga, a corte é oficializada e de fato você pode começar a colocar em pratica as dicas do post o que fazer durante a corte. 😉

 

 

Lembre-se, cada um de nós é um indivíduo, portanto o que listei acima pode talvez acontecer de forma diferente com você em parte do processo ou nele todo.

 

 

Esse post foi inspirado nas perguntas do Leonardo Lopes Barbosa, da igreja Videira de Itaquera, São Paulo.

 

 

Ainda tem dúvida?

 

 

Fique a vontade para nos perguntar!

 

 

 

Um grande abraço,

 

 

pickerimage

23 de julho de 2015 CorteRelacionamentos
2 comments

2 Responses to “#Relacionamentos | Corte – Como começar?”


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top