Blog sobre relacionamentos, corte e lifestyle cristão.
 
 

#Relacionamentos | Afinal, qual o problema do namoro?

namoro

 

Muitos nos perguntam por que pregamos tanto a corte, porque levantamos essa bandeira e não abrimos mão disso? Afinal, qual o problema do namoro?

 

O namoro em si não tem problema nenhum, inclusive a premissa inicial dele é bem parecida com a corte, um relacionamento para as pessoas se conhecerem e se casarem. Muitos casamentos cresceram nessa base, mas o problema real está em: O QUE FIZERAM COM O NAMORO?

 

 

O tempo certo

TIME

Como o relacionamento visa o casamento, entendemos que deve ser desfrutado por pessoas com condições para tal, com os estudos completos, com um trabalho estabilizado, em uma idade considerável e uma série de questões naturais resolvidas para que dentro de pouco tempo o casamento seja consumado. Porém, a alteração drástica feita foi meninos e meninas de 12 a 18 anos namorando, sem estudos completos, sem estabilidade de nada, sem nenhuma pretensão de casamento… Namoros com a extensão de 10/15 anos, porque foram iniciados em uma idade completamente errada.

 

A amizade

O tempo para desenvolver amizade com a pessoa, conhecê-la melhor e checar as intenções são trocados por amassos, carícias, beijos sem fim e porque não dizer sexo!?!

tumblr_inline_mwy01laKRi1ru2zi4Cobranças desnecessárias também são inclusas nesse pacote e vemos muitos rapazes agindo como donos das moças, as proibindo disso e daquilo. Existe também a interferência nas outras amizades, pois como agora o casal está junto, ninguém quer ficar por perto, pois ou estão brigando ou se beijando e ninguém gosta de ser espectador desse tipo de “novela”. Isso afasta todas as outras amizades.

 

 

A Família

Dentro de um relacionamento o papel da família de ambos é fundamental para conhecer como a pessoa é dentro de casa, como valoriza aqueles que moram com ela, sem contar que precisam ter a bênção dos pais que são autoridade para se relacionar.

No atual namoro vemos que a família é o de menos, muitas vezes os pais não sabem do namoro, ou não aprovam, mas mesmo assim as pessoas estão lá sendo rebeldes, desobedientes e excluindo a família de tudo, afinal, “importa que eu seja feliz e a minha família não quer ver a minha felicidade!”. (parece até fala de novela mexicana…kkk)

A palavra de Deus é clara quando nos ordena a honrar o pai e a mãe para que os nossos dias na terra se prolonguem. Fique ligado nisso… Nem sempre você está vendo as coisas do ângulo certo, pois quais pais desejam o mal para os seus filhos? Qual pai o filho pedindo pão lhe daria pedra? Você pode até me dizer: Aaaaah Carol, você não conhece os meus pais! Realmente, não conheço, mas conheço a palavra de Deus e te digo que por pior que você ache que eles sejam, você deve honrá-los.

 

 

Troca de valores

Sempre falamos que não namoramos pra casar e sim casamos pra namorar, pois o tempo do namoro que deveria ser gasto/investido está sendo consumido pela vida de casal que aparenta ser até casado pelas brigas, crises, intimidades, cobranças e etc.

cryMuitos casais que namoram milhares de anos, quando se casam, não duram 1 ano juntos, acabam separando, pois não aguentam a pressão de um relacionamento sério. Exatamente porque no tempo de namoro isso não foi encucado e desenvolvido na pessoa.

 

 

Mas existe um pergunta que não quer calar: o que fizeram com o namoro? Pois bem… Quando as essências são perdidas, todo o resto se perde. O namoro entrou nos padrões do mundo e o mundo já está no domínio de satanás, ele não quer ver o plano da família se concretizar.

 

Então a corte é um substituto do namoro? De forma nenhuma! A corte é um caminho sobremodo excelente para os relacionamentos com propósito, e esse propósito que falamos não é o propósito de casar, de ter filhos e muito menos de ser feliz, o que enfatizamos é o propósito eterno de Deus alinhado com o nosso relacionamento com a outra pessoa. 😉

 

Se você namora, quero te encorajar a analisar cada tópico deste post e refletir se você tem namorado com as intenções e padrões deste mundo, ou tem agido em santidade e se relacionado com propósito.

 

 

Com amor,

 

pickerimage

 

@anacarolina.dz

anacarolina@odiariodazoe.com.br

7 de julho de 2015 Namoro
No comments yet


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Top