Blog sobre relacionamentos, corte e lifestyle cristão.
 
 

Corte

#Relacionamentos | Côrte – A ditadura da beleza.

beleza_5

Imagem: Portal R7

Olá pessoal, tudo bem?

Você com certeza deve estar se perguntando o que a ditadura da beleza tem a ver com a côrte ou pensando que esse será mais um texto falando do “empoderamento feminino” (palavra que está super na moda kkk).

Por esses dias, eu estava vendo um vídeo sobre esse tema, e a blogueira junto com a sua amiga “gordinha” falavam sobre você ser feliz e se aceitar como é e blá-blá-blá… todo aquele discurso que é usado pra falar que você é dono do seu nariz e faz dele o que você quiser. Calma… antes de comentar me apedrejando, me dê a oportunidade de terminar sobre o assunto. rsrsrs

Falar sobre não ser o padrão de beleza e etc me fez lembrar que no início desse ano uma leitora me procurou pra abrir o coração sobre essa questão, na época achei super legal o tema pra compartilhar com mais pessoas, mas acabei foi me esquecendo mesmo. Ela falou em seu e-mail que era “gordinha” e que não era resolvida com ela mesma, e que sentia que a maioria dos relacionamentos que iniciavam eram com as “barbies” da igreja. Sei que muitas de vocês pensam assim e que de alguma forma a mentalidade da nossa sociedade é que só é bonito quem é magro e se encaixa nos padrões da pele perfeita, cabelo perfeito e tudo perfeito… isso é um engano, porque ninguém é perfeito da forma exigida, aí fica um monte de gente “lutando” pra se encaixar nos padrões, fingindo que aquele estilo de vida é o normal de se seguir.

beleza_8

Ditadura da Beleza

Falar que essa ditadura não existe, é ser hipócrita, ela existe e guia as escolhas de roupas, sapatos, cortes de cabelo, produtos para pele, maquiagens e afins. Um detalhe importante de ressaltar que isso não ocorre somente com as meninas, apesar de falar que não ligam, os meninos “sofrem” com isso também, pois querem se enquadrar nos padrões.
Antigamente as referências de perfeição eram outras, tanto é que quando uma mulher ia cortar o cabelo, ela falava pro profissional: “quero o cabelo igual o de fulana de tal, da novela tal.” e hoje em dia, apesar de termos ainda as novelas, a maior influência que temos tido em termos de beleza, são as blogueiras, youtubers, cantoras e etc. Você vê a youtuber mostrando a casa perfeita que ela tem, a vida perfeita, como ela come só comidas saudáveis, como ela só vai em lugares legais e se relaciona com pessoas legais… não quero falar que o que as meninas que são blogueiras passam é pura mentira, mas sim que só mostram o lado legal da vida e o público de 13 á 18 anos que as segue acha que a vida é assim, que só serão felizes se tiverem o cabelo, a pele, o computador, o celular, a clínica de estética e tudo o mais que as blogueiras tem e aí que vem a tal da ditadura: “só serei feliz e completa se as coisas forem daquele jeito!”.

beleza_1

É interessante enxergar que as consequências dessa cultura tem desencadeado duas vertentes:

1.Meus corpo, minhas regras

Essa vertente é bem impactante… são mulheres que querem mostrar que não se rendem a ditadura da beleza e então param de fazer uma série de cuidados que são mais higiênicos do que estéticos, como depilar as axilas por exemplo, para provar pra sociedade que são poderosas e mandam em seus corpos.

2.Tenho que ser perfeita

Aqui é a classificação para as “barbies” que querem ser magras, perfeitas e correm atrás dos resultados, custe o que custar. Navegando na internet encontrei o trabalho da artista equatoriana Jo Cabrezas, com o tema de Obsession With Beauty (Obsessão com a beleza). Na obra, bastante impactante, ela mistura fotografias em preto e branco – priorizando as sombras e os tons de cinza – e ilustrações para demonstrar essa obsessão:

beleza_2 beleza_3

 

O ser humano tem uma tendencia muito forte de ser extremista, ou se preocupa demais com o corpo, ou o entrega as traças. Temos que ter equilíbrio nesse sentido, se não cairemos nos extremos e isso não é bom.

 

Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? – 1 Coríntios 6:19

 

Acho bem engraçado que quando se trata do assunto de tatuagem, todos declaram esse versículo condenando aqueles que tem tatuagem e etc, mas é aquela coisa, né?! Apontamos o cisco no olho do irmão, mas não vemos a trave que está diante de nós… quando não cuidamos do nosso corpo, principalmente no quesito saúde, também não estamos cuidando do templo do Espírito.

Minha experiência

Nasci bem magrinha e fui crescendo… quando completei 9 anos de idade disparei a engordar (as fotos daquela época eu estou parecendo o madimbu do desenho Dragon Ball) e a partir dali a zueira sempre era sobre eu ser gorda, meus irmãos me chamavam de pançuda (pensa na minha cabeça…rsrsrs).

madimbu

Quando entrei na pré-adolescência, com uns 12/13 anos, comecei a emagrecer, mas como a zueira dos meus irmãos sempre era com o meu peso, na minha cabeça eu era gorda ainda, até porque eu sempre fui mais alta e mais cheiinha do que as meninas “normais”. Cresci mais e ficava na sanfona do emagrece e engorda, mas sempre achando que era uma rolha de poço. Quando eu tinha mais ou menos 20 anos, fui olhar minhas fotos de adolescente e me deparei com a verdade e que eu estava presa em um engano… EU NÃO ERA GORDA! Gente, naquele dia eu quis matar os meus irmãos, mas pensei: bom, nada colaborou pra isso também, porque além deles ficarem me pilhando com o lance de ser gorda, eu, mesmo não sendo gorda baleia, não me encaixava nos padrões exigidos de altura e peso. Depois disso, fui seguindo a vida, sabendo da verdade, mas não ligava muito pra dietas, comer bem e etc… sempre comi muitas besteiras, mas o que me ajudava a não ficar roliça era a correria de 344 mil células, faculdade… na maioria dos dias eu nem jantava, mas eu ainda não era padrão em peso e altura. Quando eu pensava em me relacionar, eu nunca me via com um rapaz magro e muito menos baixo, porque isso não combinaria comigo, eu nem imaginava que meu esposo seria assim, e de fato, meu esposo é grande, não é magro e somos um casal que combina bastante. Bom, agora vem a parte triste, kkkkk, depois que me casei, passei a fazer comida e a jantar todos os dias, comer fora, comer muito mais besteiras do que o normal…então imagine o resultado disso?!?! Estou super gordinha, mas em 2017 uma das metas é de me alimentar melhor, mas não só por estética, mas o principal que é a saúde, afinal de contas não tenho mais 15 anos de idade e com o passar dos anos tenho sentido total diferença na minha vida.

Se até o Madimbu emagreceu, porque eu não?!!? rsrssrsrs

madimbu2

Casamento de gordinha, acontece?!

Claro que acontece! Já vi um monte deles. Uma das coisas que sempre falamos aqui é que o homem de Deus para você tem que ser de fato um homem de Deus, então, ele não vai julga-la somente pela aparência – digo somente porque a aparência conta também – mas sim por um casamento com propósito. Isso não te isenta de ser uma pessoa saudável, cuidar da aparência, se preocupar sim com isso, inclusive fará você se sentir muito melhor.

gordinha

Você sofre ou já sofreu com essa crise de peso?! Compartilha com a gente, queremos saber da sua história também. 🙂

Grande abraço,

Carol Assinatura

Ana Carolina Ferreira

anacarolina@odiariodazoe.com.br

@anacarolina.dz


#Relacionamentos | Corte – CORTE É PARA OS FRACOS!

fracos_1

Oi gente!

Estava pensando sobre a Corte e me lembrei de algo que muitas pessoas falam e eu mesma também já pensei: – A visão da Corte é linda, mas não sou forte para isso!

A primeira vez que ouvi falar sobre a corte fiquei encantada, mas pensando que não teria forças o suficiente para ficar sozinha e esperar alguém que também quisesse viver um relacionamento em santidade. Se encontrasse alguém assim não conseguiria ficar sem beijar na boca até casar.

Apesar de parecer coerente este pensamento para uma menina que tinha acabado de se converter, é equivocado. Entendo que eu pensava assim, porque eu não entendia o que era a corte em sua essência.  Hoje, muitas pessoas estão enroladas neste mesmo pensamento e por isso ainda estão vivendo relacionamentos furados e sendo frustrados. Pensam que por seu passado, pelo histórico de muitas quedas no pecado, não são fortes o suficiente para recomeçar e viver uma vida de santidade.

Muitos acreditam piamente que a Corte é só para os SANTINHOS, só para os CRENTÕES, para os ANJOS DA TERRA.  Infelizmente, muitos que entram na Corte pensam mesmo que são os TAIS. Quanta tolice!

É triste ver pessoas que se acham superiores porque fazem a Corte e acabam tratando com indiferença aqueles que não tiveram revelação sobre ter um relacionamento com propósito. No entanto, se alguém que diz ter revelação sobre a Corte e decidiu viver um relacionamento nessa visão se acha superior, é bem provável que essa Corte não seja pura em sua essência e motivações. Sabe o por que? Porque a Corte é para os fracos!

A Corte é para aqueles que reconheceram sua fraqueza diante das tentações, que não confiam em si e sabem bem que seu coração é enganoso.  A Corte também é para aqueles que erraram e admitiram que são péssimos em suas decisões, que  entenderam que beijar na boca, dar uns pegas ou até mesmo ter intimidade sexual não revela o caráter de alguém.

Então se você é alguém fraco, limitado e já errou muito no passado, saiba que a Corte além de todos os seus benefícios é muito conhecida por manifestar o poder restaurador de Deus, e Deus só pode restaurar algo que foi quebrado, afinal se algo está forte, inteiro, intacto não necessita de milagre.

Com isso não estou dizendo que você deva se estragar para depois viver a Corte, porque mesmo alguém que é totalmente BV, precisa admitir sua fraqueza e reconhecer que só consegue viver neste mundo e se manter puro na depende de Deus. Nem vou falar sobre a diferença entre pureza e virgindade, pois este é assunto para outro post.

Quero lembrar que a palavra de Deus mostra claramente como Deus ama transformar, pessoas cheias de fraquezas em testemunhos de seu poder.

Eis alguns exemplos:

A fraqueza de Moisés era seu gênio. Por causa do seu temperamento  assassinou um egípcio,  feriu a rocha, quebrou as tábuas da lei. Mas Deus o transformou em um homem manso, mais do que qualquer outro na terra. Gideão era inseguro e com baixa autoestima, mas Deus o transformou em um homem valente, Davi foi adúltero e ainda assim Deus o fez o homem segundo seu coração. Jacó tinha um sério problema de caráter, sua fraqueza era enganar os outros, mas Deus o transformou em Príncipe de Deus.

Você pode ter um passado promíscuo, mas o mesmo Deus que mudou a história desses homens de fé pode transformar sua vida e te fazer viver um relacionamento santo, no padrão de Deus através da Corte.

Você é forte ou fraco?

Com encargo,

 

dz

Danielle dos Santos
@danielle.dz
danielle@odiariodazoe.com.br


#Testemunho | Nossa história – Rajiv & Lorena

 

Nossa História

Onde todo sonho se inicia “No Coração”

Sabe aqueles versículos que queimam em nosso coração? Pois é, para mim um desses versículos está lá nos Salmos 139:16 “Os teus olhos me viram a substância ainda informe, e no teu livro foram escritos todos os meus dias, cada um deles escrito e determinado, quando nenhum deles havia ainda.” fui surpreendido por viver e experimentar a concretização dele em minha vida. Compartilharei um pouquinho dessa experiência fantástica que tive com o poder de Deus.

A Corte – 11 de Maio de 2009



Tudo começou no dia 11 de Maio de 2009, quando tive um encontro com Deus e uma transformação maravilhosa em minha vida iniciou. Foi então que conheci uma maneira diferente de se relacionar, “Corte (Um relacionamento que não tem como foco a satisfação dos desejos da carne, mas sim na procura da pessoa que o Senhor separou para ser seu cônjuge, abstendo-se do beijo, lascívia e outras atitudes que levam ao engano, frustrações, feridas e até mesmo ao sexo antes do casamento. A escolha de dar o primeiro beijo no Altar)”. Para mim, inicialmente essa visão era algo impossível de se viver, mas à medida que o tempo se passava e as experiências em Deus se tornavam cada vez mais profundas, optei andar por esse caminho cheio de desafios, mas que agradava a Deus e que me levaria a desfrutar do melhor.

Ele “O Chamado” – 07 de Setembro de 2010



Passei a me preparar e a buscar uma vida de intimidade com Deus. No dia 07 de Setembro de 2010 na Conferência Radicais Livres, foi um marco – tive uma experiência sobrenatural com o Senhor, de uma forma tão clara, tão poderosa e convicta senti que o Senhor estava me separando, me chamando para as nações, em especial para a África. Foi tremendo, agora eu tinha um propósito específico em minha vida!

Uma grande preocupação que veio a era de encontrar uma mulher com o mesmo propósito que estaria ao meu lado me auxiliando no ministério. Entretanto, mal sabia eu que Deus já estava preparando minha esposa antes mesmo de eu ter me encontrado com Ele.

 

Ela “O Chamado” – 10 de Fevereiro de 2008



Foi assim no dia 10 de Fevereiro de 2008, Lorena Marques conheceu uma maneira diferente de se relacionar, uma visão, um caminho sobremodo excelente, a Corte. Apaixonou-se por essa visão e então decidiu que a partir daquele dia se guardaria para o homem que seria seu esposo. E assim, passou a orar, a sonhar e a se preparar para o dia em que se encontraria com o príncipe que Deus estava preparando para ela.

O tempo foi passando, e ela investiu em seus estudos, buscou se aprofundar na palavra de Deus, gerou frutos, liderou, multiplicou, recebeu o discernimento do seu chamado e a cada dia experimentava de uma porção cada vez maior no Senhor.

 

E os olhos foram Abertos

 

Em um momento de aconselhamento, um de meus líderes (Hérick Bueno) chamou minha atenção para uma moça que se destacava por seu coração quebrantado e por seu anseio em agradar o Senhor. E assim, procurei estar mais próximo para observá-la cuidadosamente. Com o passar do tempo nossos caminhos foram se cruzando através dos encontros, vigílias e festas da igreja.

Em um dos encontros da rede, Lorena precisou com urgência de um irmão para fazer um personagem de uma peça, e eu não pensei duas vezes e aproveitei a oportunidade para servi-la e assim estarmos mais próximos. De fato meu objetivo foi alcançado. Suas lideranças e amigos perceberam as afinidades e assim, as brincadeiras começaram a surgir e a serem mais frequentes com relação a nós. Nos tornamos amigos (só que no meu coração já tinha outras intenções).

 

Distância, desafio aceito!

 

Como disse anteriormente, meu o chamado para a África foi se tornando cada vez mais intenso, me impelido a tomar a decisão de largar tudo e ir cumprir à vontade de Deus. Mas ao mesmo tempo algo me incomodava “Como poderia cultivar um relacionamento estando tão longe daquela a quem o Senhor havia colocado em   meu coração?” E mesmo diante disso, decidi obedecer e responder ao Senhor, sabendo que se fosse à Sua vontade, nos reencontraremos. Afinal a palavra de Deus é a verdade:

“o Senhor trabalha para aquele que Nele espera (Is 64:4)”.

“confie no Senhor e ele satisfará o desejo do seu coração (Sl.37:4)”.

“Buscai primeiro o reino do Senhor e as outras coisas lhes serão acrescentadas (Mt. 6:33 )”.

Tendo essas convicções em meu coração, fui em paz!

 

A Lorena, por outro lado, não correspondia ao mesmo sentimento ou interesse, deixando claro em suas atitudes que através desta viagem para a África tal sentimento e brincadeiras chegariam ao fim. Mas estava muito enganada, pois mesmo sem minha presença, nossos amigos continuavam brincando e evitando que outros rapazes se aproximasse dela – “Glória a Deus”.

 

 

A Ligação

 

Durante meu primeiro ano na África, confesso que nosso contato era mínimo, resumido em pequenas conversas pelo messenger. Um dia ela recebeu uma ligação com um código de área diferente, quando atendeu ao telefone, era eu (resolvi me encher de coragem e ligar), a quem ela tanto evitava. Foi um espanto, a ligação foi rápida, mas o choque durou muito tempo. Então ela começou a tentar entender o porquê que mesmo estando tão distante, eu ainda insistia em falar com ela. Percebi que deveria surpreendê-la de outra forma, então aproveitei à visita do Pr. Luís Rigonato a África e mandei por ele um presente para ela (um porta jóias no formato do mapa da África). Ela ficou muito surpresa ao ser procurada pelo pastor e ficou em choque quando recebeu o presente, a partir de então, percebeu que meu interesse por ela era sério e que eu fazia questão em envolver minha liderança.

 

imagem2

 

O tempo foi passando e com o whatsapp nossa comunicação foi se tornando mais frequente, mas ela mesmo assim, não se permitia gerar um sentimento que fosse além de um a amizade superficial, o que tornava a situação um pouco mais complicada pra mim. E como não bastava a distância entre nós e a indiferença dela, surgiram outros contratempos, por exemplo outros rapazes interessados por ela, mas eu confiei no Senhor e Ele cuidou disso pra mim

 

A Volta

 

No ano de 2014, voltei para o Brasil com planos e um objetivo principal, conquistar o coração da Lorena e ultrapassar a linha de apenas “amigos”.

 

imagem3

 

Nos primeiros três meses, comecei aproximar da família dela e meu objetivo foi ficando cada vez mais próximo, até que eu sem hesitação a convidei a fazer parte da minha vida, inicialmente ela resistiu, mas depois de 21 dias de Jejum e Oração, o Senhor a fez compreender sua vontade perfeita. E assim no dia 18 de Maio de 2014, entramos na corte.

 

imagem4

 

 

O Cumprimento da Promessa

 

Enfim meu plano estava em execução, nós estávamos relacionando. Mesmo assim não foi fácil, pois ela ainda me resistia. Porém, quando é propósito de Deus, tudo é transformado na hora e no tempo certo. Continuamos a nos conhecer melhor e a vontade de Deus foi ficando mais clara e seu coração foi se abrindo para mim.  Comecei a perceber que estava no tempo para um próximo passo e assim depois de um ano e sete meses de relacionamento, no dia 15 de outubro de 2015, (no seu aniversário) a surpreendi com o pedido de casamento. Foi uma surpresa linda, com a presença da nossa família, pastores, amigos, líderes. Com direito a anel de noivado, buquê de flores, champanhe e brindes… Pronto, uma nova fase em nossas vidas foi iniciada, caminhando então com os preparativos para o grande dia em que nos tornaremos uma só carne, para o cumprimento do propósito eterno do Senhor.
imagem5

 

E no dia 11 de junho de 2016 concretizamos este grande sonho que se resultará na edificação do Reino de Deus por onde passarmos estamos experimentando o melhor de Deus, e diante de tudo só podemos dizer “Deus é fiel”.

 

“Antes que eu te formasse no ventre materno, eu te conheci, e, antes que saísses da madre, te consagrei, e te constituí profeta às nações.” Jr. 1:5.

 

Testemunho: Rajiv e Lorena
Igreja: Videira – Goiânia

Se você também tem um testemunho, envie um  e-mail para: contato@odiáriodazoe.com.br
Lembre-se o testemunho edifica a igreja, não deixe de compartilhar.


#Relacionamentos | Corte – Máscaras.

PHOTOGRAPHS TO BE USED SOLELY FOR ADVERTISING, PROMOTION, PUBLICITY OR REVIEWS OF THIS SPECIFIC MOTION PICTURE AND TO REMAIN THE PROPERTY OF THE STUDIO. NOT FOR SALE OR REDISTRIBUTION

Olá pessoal, tudo bem?

Após o post sobre O que não é a corte, como prometido, vamos voltar a bordar mais o assunto por aqui, pois as dúvidas ainda são inúmeras e a cada dia que passa, novos “casos” surgem.

Bom, hoje vamos falar sobre o que não pode acontecer na corte, que são as máscaras. Na corte é onde somos sinceros, agimos como amigos e procuramos ser o máximo transparentes para que a outra pessoa nos conheça, afinal, como sempre dizemos, a decisão do casamento depois da decisão por Cristo é a mais importante, ela é pra vida inteira.

Atualmente dentro das igrejas, temos pessoas que tiveram experiências genuínas com Deus, mas muitas vezes as práticas delas ou a raiz de algumas práticas não foram tratadas ainda em sua totalidade. E dentro da caminhada cristã, vem as crises para que a pessoa cresça e avance, mas em determinadas crises a pressão é tão forte que dependendo do grau de convicção da pessoa, ela acaba cedendo… seja por desistência de ser transformado pelo Senhor, seja por mentiras que satanás lançou na mente ou outro motivo. Geralmente quando essas pessoas “caem”, ou seja, desistem de caminhar com o Senhor e voltam as antigas práticas, nos chocamos, claro! Pois normalmente são aquelas pessoas que só pregam a corte, espera, guardar o coração e “arrotam” santidade pra todo lado. Nesse tempo liderando (não são taaaantos anos, mas já são 7 anos liderando rsrsrs), percebi que o que as pessoas muito falam ou pregam é onde mora a maior dificuldade delas e satanás sabe o ponto fraco e como envergonhar uma pessoa, então, quando vem a tona tudo o que foi feito pela pessoa ou as decisões dela, a famosa frase é dita: “Esse era um lobo em pele de cordeiro!”

Lobo_em_pele_de_ovelha

É claro que a nossa natureza é pecaminosa e SEMPRE vai tender para o mal, estamos em obras também, sendo transformados dia após dia, mas temos que ser muito vigilantes naquilo que falamos e fazemos para não cairmos nas contradições. Antes que você me critique, não estou pregando contra a santidade, corte, espera e guardar o coração. Inclusive se você nos acompanha aqui no blog, sabe que pregamos isso, mas quero alertar o que a palavra nos diz:

Assim, aquele que julga estar firme, cuide-se para que não caia.

1 Coríntios 10:12

Os “arrotadores” de santidade, em sua maioria,  não vigiam em nada e agem como fariseus extremamente religiosos. Eles apontam o erro dos outros, pregam a santidade, mas eles mesmos não estão completamente resolvidos nisso e hora, menos hora acabam caindo e trazendo vergonha para eles, para a igreja local, para a família e se estiverem se relacionando, para a outra pessoa também.

Quando uma pessoa desiste de andar com o Senhor, temos que ter em mente que TODOS estamos em construção, não somos perfeitos e estamos sujeitos ao erro. Mas esse passo é algo muito sério, pois mostra a carnalidade e a falta de compromisso que a pessoa tem com Deus e com ela mesma, afinal, ela abriu mão do processo de transformação na vida dela.

Você deve estar se perguntando: O que esse papo todo tem a ver com a corte?!? E eu te digo: TUDO!

Digo que tem tudo a ver porque essa máscara de santidade e espiritualidade, pode ser levada pra dentro da corte e os resultados serem desastrosos. Principalmente quando a pessoa tira a máscara só depois do casamento. Falamos sempre sobre orar, envolver a liderança, ouvir do ES para tomar a decisão da corte, noivado e casamento, pois o Senhor não nos deixa ser enganados. Agora, se você não tem ouvido do Senhor, é importante que comece a fazer isso logo, pois o casamento como já falamos é PRA SEMPRE!

gif noiva

Se você está do outro lado da situação e tem caminhado nos altos e baixos, pensando sempre em desistir alegando que está cansado de não vencer tal pecado, se você está olhando para os campos “verdes” do mundo, quero deixar uma palavra de ânimo para você e te desafiar, a ser transparente com a sua liderança, com a sua família e com aqueles que você se relaciona. Experimente antes de tudo ser transparente com você mesmo, será libertador.

Jovens, escrevo-vos, porque vencestes o maligno.
1 João 2:13

Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai, mas do mundo. E o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre.
1 João 2:15-17

Não ame o mundo, o amor do Pai não está nele. Seja sincero com você mesmo, com os que te cercam e deixe as máscaras de lado para viver na liberdade que Cristo já te proporcionou na cruz.

Quero deixar um recado para aqueles que foram vitimas dos mascarados, que foram enganados e hoje tem sofrido por conta disso. Saiba que que o Senhor tem assistido absolutamente tudo o que tem acontecido com você e apesar de parecer que Ele está longe e talvez nem ligando para o seu sofrimento, saiba que Ele é consolador, Ele te entende melhor do que ninguém. Sei que a raiva, o inconformismo com a situação, o ódio e rancor batem na porta do seu coração, mas o Senhor é o juiz e Ele tem te guardado, ouça ao Senhor nesses dias e decida perdoar aqueles que te feriram dessa forma. Não perca o seu tempo imaginando isso e aquilo, decida sarar e avance, pois o sonho do casamento é para você também.

Se o Senhor falou com você através deste post, queremos que compartilhe conosco nos comentários ou através do e-mail contato@odiariodazoe.com.br. Se você tem alguma dúvida sobre a corte, pode nos mandar também, queremos ser instrumentos de Deus para esclarecer as suas dúvidas. 🙂

Grande abraço,

 

Carol Assinatura

 

 

Ana Carolina Ferreira

anacarolina@odiariodazoe.com.br

@anacarolina.dz


#Relacionamentos | Corte – O que não é a corte!

resolvidos

 

Olá pessoal, tudo bem?

Diante de alguns acontecimentos, tenho refletido sobre o que as pessoas pensam a respeito da corte e creem piamente que estão pensando ou fazendo o certo, mesmo sem ter nenhuma base para isso. Faz um tempinho que não falamos desse assunto por aqui, mas vamos retomar, para sanar as dúvidas de quem ainda não conseguiu entender como funciona.

Se você é um novo leitor por aqui, acesse a categoria de relacionamentos e veja os posts anteriores sobre a corte. 🙂

Desde que o homem caiu no Éden e foi separado do relacionamento com Deus, nós por consequência temos penado para aprender como nos relacionar com os demais e com o próprio Deus. Com a vinda de Jesus fomos reconciliados com Ele, Aleluia! Mas as antigas práticas precisam ser transformadas. Como? Cultivando o relacionamento com Ele e renovando a mente. Muitos jovens se convertem aos caminhos do Senhor, mas acabam não aplicando esses dois princípios para que tenham as antigas práticas transformadas e eventualmente são pegos em situações de conflito nessa área da vida.

A visão da corte tem muitos adeptos, alguns haters (que odeiam) e aqueles que não fazem a mínima ideia do que é. Dentro do grupo dos adeptos, temos os que tem a visão deturpada do que a corte é de fato, mas hoje vamos esclarecer isso de uma vez por todas! 😉

 

A corte não é um substituto do namoro

namoro 

O contrário do que a primeira impressão que TODOS têm sobre, a corte não é um substituto do namoro. Você pode se perguntar o porque, e eu te respondo: Porque a corte é um relacionamento com propósito e esse propósito é o casamento.

– Mas Carol, o meu namoro tem o propósito de casamento!

Muito bom! Mas 90% dos namoros não tem esse propósito e tem sido verdadeiros matadores de sonhos e destruição emocional.

Vejo adolescentes namorando – eu fui uma dessas adolescentes que namoram 5 anos, sem nenhum propósito – e penso: qual o propósito disso?!? Na maioria das vezes é só para suprirem carências afetivas, emocionais, sexuais e por aí vai, o que não é bom. 🙁

 

 

A corte não é um substituto do ficar

ficar 

Seguindo a mesma linha do namoro, a corte não é o famoso “ficar”. Não existe isso de hoje você estar em corte com uma pessoa, na semana que vem com outra e no mês que vem com outra… rsrsrsrs isso só demonstra o quanto a pessoa que está entrando em todos esses compromissos, não ora e não busca de Deus a direção e vontade d’Ele para a sua vida.

O inicio da corte não é com a outra pessoa e sim com Deus. É claro que o interesse inicia em você, pela pessoa… mas o contrário do ficar, você não avança para conhecer a pessoa e já ter intimidade com ela. No caso da corte, você ora, busca de Deus e aí sim avança em oração com a sua liderança para que siga as vias normais de falar com os lideres da pessoa e iniciarem a corte.

 

 

A corte não é definitiva

 definitiva

 

– Carol, comecei a corte… sou obrigado(a) a casar?

Não! A corte não é definitiva, é um tempo para você conhecer a pessoa, ter as convicções sobre chamado, propósito de Deus e se é essa a pessoa que você quer dividir o resto da sua vida. A visão do mundo hoje é que se não der certo, que o casal separe, mas biblicamente sabemos que o casamento não é um contrato e sim uma aliança, por isso falamos tanto sobre essa escolha, pois ela é pro resto da sua vida.

Que nesses dias você possa buscar a revelação de Deus sobre relacionamentos. Invista nisso, além dos posts, leia livros, ouça ministrações… busque informação para avançar e romper nessa área.

 

Tem dúvidas sobre a corte? Mande pra gente através do e-mail contato@odiariodazoe.com.br ou deixe um comentário. 🙂

 

 

Grande abraço,

 

 

Carol Assinatura

 

Ana Carolina Ferreira

anacarolina@odiariodazoe.com.br

@anacarolina.dz

 

 


#Relacionamentos | Corte – Cadê suas convicções ?

kiko

 

Olá gente,

Estamos meio sumidas, mas calma não abandonamos o blog!

Todos ainda estão meio chocados com os últimos acontecimentos no meio cristão ou como uns gostam de chamar “meio gospel “, e falar de relacionamento em santidade e corte é causar polêmica nas redes sociais. Muitos estão concordando com absurdos e chegam a dizer que não vale a pena esperar, mas pra onde foram as suas convicções? Quer dizer que você não acredita mais que um relacionamento em santidade e propósito pode dar certo?

Precisamos começar do começo! 

“Porque todos pecaram e destituídos estão da glória de Deus.” Romanos 3:23

Eu e você ainda somos pecadores e como qualquer um estamos sujeitos a cair em tentação, por isso oramos: Não nos deixe cair em tentação, mas livra-nos do mal!!!

1- Estamos no mundo que jaz do maligno, mas não somos daqui. Portanto apesar de estarmos no mar, não somos peixe e não precisamos viver como eles. Isso precisa estar claro na nossa mente, a nossa identidade em Cristo. Pois, quando falamos de relacionamentos em santidade, estamos falando de um estilo de vida de santidade, um caminho pelo qual aquele que está inteiramente comprometido com a obra de Deus escolhe caminhar.

2- É importante ressaltar que ter um relacionamento na visão da corte, não garante que ele é puro, santo e que Deus aprova. Sabemos muito bem que muitos não tiveram revelação do verdadeiro sentido da corte e simplesmente usam essa nomenclatura para encobrir um namoro, com todo ciúme, sentimento de posse, briguinhas e muito envolvimento carnal e emocional que são contrários ao caminho da santidade.

3- Contudo, ainda que a corte seja genuína, iniciada por duas pessoas que vivem com propósito, dependem de Deus e entendem que o casamento faz parte disso, estão sujeitos a errar e colocar tudo a perder. Por isso é necessário o apoio dos pais, amigos, velas e discipulado. Essas são as proteções para que aquilo que começou bem continue no caminho certo.

4- A corte não é garantia de um bom casamento, ela é só um caminho até ele. O casamento precisa ser construído em uma base sólida, não em emoções aguçadas, empolgação e ilusão. Mas, mesmo edificado sobre uma base forte precisa continuamente de manutenção e vistoria.

5- O bom casamento não é aquele que é perfeito como um conto de fadas, até porque todos sabem que eles não existem, são fantasias.  E aquele que se casa e pensa que viverá uma eterna paixão, está iludido. Todo bom relacionamento passa por momentos de extrema alegria e regozijo, mas também enfrenta tempestades e desertos para então ganhar experiência e fortalecimento.

 

As vezes vemos os casais comuns e famosos nas redes sociais e pensamos que eles não tem nenhum tipo de problema. Criamos uma ilusão de um relacionamento perfeito, por vermos fotos, vídeos etc, e quando uma situação difícil vem a tona, nos chocamos. Isso na verdade foi só uma expectativa frustrada por um idealismo gerado em cima de algo fora da realidade.

Só entende o que é casamento quem vive o casamento. Eu por exemplo ainda estou conhecendo, tenho só oito meses de casada e muuuuito a aprender. O fato de termos nos relacionado na corte não nos impede de discordamos um do outro, de termos atritos, de passarmos por dificuldades. Entretanto o preço que pagamos em esperar, a história que construímos até aqui e o propósito de Deus, nos faz pensar antes de falar, pedir desculpas, reconhecer o erro e fazer tudo o que for necessário para termos uma família que expressa Cristo e a igreja.

Portanto, não deixe suas convicções só porque outros erraram, use essas experiências para vencer as suas dificuldades e consolidar ainda mais suas convicções. Deixe pra trás a visão romântica do casamento, entenda que ele faz parte de um propósito por isso na dificuldade, pare, pense e reveja a maneira como ele está sendo construído!

 

Com convicção!

 

dz

 

Danielle dos Santos
danielle@odiariodazoe.com.br
@danielle.dz
www.facebook.com/odiariodazoe


#Relacionamentos | Côrte – Resolvidos para casar.

noivos ok

 

 

Olá pessoal, tudo bem?

 

Esses dias tenho tido aulas de sociologia do casamento no seminário, e claro que isso me inspirou a escrever sobre o assunto para vocês. 🙂

 

Antes de qualquer coisa, quero desmentir algo que as pessoas têm a tendência de achar. Ela pensam que quando estamos prontos para casar, estamos TOTALMENTE resolvidos em TODAS as áreas da vida, que estamos perfeitos e etc, mas se chegarmos a esta “estatura de varão perfeito”, seremos assuntos aos céus e não chegaremos ao altar (o que não é má ideia! Rsrsrs). Mas, isso não nos exime de alinharmos nossas vidas para chegarmos ao casamento mais resolvidos que hoje, ou seja, mais “inteiros”. Para facilitar, vamos dividir o assunto em tópicos:

 

 

 

chorando

Resolvendo-se Emocionalmente

 

Essa é a primeira área que precisamos nos preocupar, pois se você não está inteiro emocionalmente, quando se unir a outra pessoa, terá sérios problemas de carência, de dependência emocional, que gerarão brigas, discussões, conflitos e etc.

Quando eu entreguei meu namoro (leia mais aqui!) para o Senhor, eu entendia que aquela era a vontade d’Ele, mas confesso que agi por fé e obediência, porque eu não entendia a real necessidade de fazer aquilo. Depois que eu respondi e comecei a avançar, compreendi que o plano do Senhor era que eu dependesse apenas d’Ele. Enquanto Ele não fosse suficiente para suprir as minhas necessidades emocionais, eu nunca poderia me relacionar, pois se tornaria algo doentio. Então, após o primeiro período de desintoxicação da outra pessoa, passei a contar com Jesus para tudo! Ao invés de ligar para o namorado de noite, eu falava com Jesus. Quando eu me sentia carente e sozinha, Ele que me abraçava (literalmente! 😮 ). Nosso relacionamento cresceu demais, foi um tempo muito bom!  Porém, certo dia eu fui provada, pra ver se o meu coração estava mesmo escondido em Jesus e eu falhei! 🙁

Infelizmente, eu achei que tudo já estava OK, que eu estava prontinha pra me relacionar, que as intenções do meu coração estavam alinhadas com as de Deus, mas foi aí que eu me enganei. Após descobrir que eu ainda não estava pronta, me pus a orar e alinhar meu coração com o de Jesus. Claro que Ele foi super misericordioso e usou dessa situação pra me ensinar.

 

 

 

preocupado finan

 

Financeiramente

 

Quem é que paga as suas contas?

 

Outro aspecto que hoje as pessoas não são resolvidas é no âmbito financeiro. Nunca vi tantos jovens com nome sujo e dívidas altíssimas. Eu não me excluo disso, pois estava nesse meio! 😮

Eu tinha empréstimos, dívidas de cartão de crédito, nome sujo… E na realidade eu nem sabia pra onde ia todo o dinheiro que eu devia, porque eu não tinha muitas roupas e nem andava com coisas tão caras.

Entendo que quando servimos à Mamon, ficamos presos nele e em tudo aquilo que ele nos proporciona. Eu vivia presa em dívidas, mas nem desfrutava daquilo que eu tinha gasto.

Quando entrei na corte e fiquei noiva, o milagre de Deus em minha vida financeira foi tão grande que sinceramente, eu nem me lembro como fiz pra quitar tudo o que devia e iniciar a vida de casada apenas com algumas dívidas do casamento mesmo.

 

 

 

 

orando

 

Espiritualmente

 

Duas prerrogativas para iniciar a côrte é ser crente e ter mais de um ano de fé. Você deve ter preenchido esses requisitos, mas é importante também que seja alguém maduro, porque a côrte não é um conjunto de leis, e sim deve ser vivida por revelação e por fé. Aqueles que tentam viver a côrte sem ter intimidade com Deus, ser guiado pelo ES, sem ter uma visão espiritual das coisas poderá não chegar ao final da corte com um noivado, porque o peso da lei é muito forte.

 

Busque ao Senhor não só pra ficar resolvido e se casar, mas pra desfrutar de um relacionamento primeiro com Ele.

 

 

 

felicidade

 

Aprendendo a ser solteiro

 

“Você só estará pronto para casar, quando aprender a ser solteiro. Só pode se casar um dia, quem já foi solteiro.”

 

Essa frase acima é bem verdade, porque não tem como você se comprometer com alguém se um dia não experimentou ser solteiro. Vejo alguns casos de pessoas que nunca foram solteiras, nunca aproveitaram disso em suas vidas e sempre estavam com algum “rolo” por aí. A parte ruim disso é que quando essa pessoa casa, ela quer viver a solteirísse e me desculpe, uma vez o compromisso assumido, não tem como voltar atrás.

 

Depois que terminei o namoro, eu tive que aprender a ser solteira… A contar com os amigos, a sair e não precisar dar satisfações, a não ficar refém de alguém, a não aprisionar alguém, enfim… Foram imensas as barreiras que tive que transpor, porque eu nunca tinha vivido daquela forma, estava realmente aprendendo.

 

Se você hoje é solteiro, com certeza deve ansiar por se casar, é claro! Eu te digo que casar é muito bom, mas que o tempo de solteiro também é precioso e aqueles que não aproveitam dele, algumas vezes se arrependem. Viva cada período da sua vida intensamente, pra Jesus e com Jesus, você pode ter certeza que não vai se arrepender.

 

 

Você se “encaixa” e alguns desses aspectos que comentei acima? Decida romper em cada uma dessas áreas e se resolver para que os propósitos de Deus em sua vida se cumpram, tanto em seu tempo de solteiro como através do casamento.

 

 

 

Com encargo,

 

 

 

 

Carol Assinatura

 

 

 

 

 

 

Ana Carolina Ferreira

anacarolina@odiariodazoe.com.br

@anacarolina.dz


#Testemunho |Corte – Rafael e Luana, um relacionamento tipicamente atípico!

foto

Olá. Somos Luana e Rafael. Vamos separar os parágrafos e temas para cada um. Primeiro as apresentações:

Rafael: Quando começamos a nos relacionar, em junho de 2014, eu era seminarista interno e já morava em Goiânia. Apaixonado por música, cultura e teologia. Sempre vi a Luana como amiga, e nada mais que isso.

     Luana: No início do nosso relacionamento morava em Itaberaí, a 100 km de Goiânia. Já cursava fisioterapia em São de Montes Belos, a 110 km de Itaberaí. Acordava todos os dias às 4:30 am para ir a aula e chegava às 15:00 pm. O restante do tempo estudava e me envolvia na igreja. Sempre gostei do Rafael como amigo e não o via como um futuro cônjuge.

Nossas famílias sempre nos “empurravam”, e o pessoal da igreja fazia uma certa torcida, mas demoramos muito para ver um ao outro como um interesse amoroso. Depois de um ano separados pela distância, algumas ocasiões nos permitiram reatar uma amizade e esse hiato nos fez com que olhássemos com outros olhos um para o outro.

Luana: Quando nos reaproximamos, percebi que ele me tratava diferente, com mais atenção, um tom de voz diferente, e no início não imaginava que ele tinha interesse em mim, mas eu estava aberta para ele e essa abertura fez toda a diferença.

  Rafael: Eu já estava orando a algum tempo e havia sofrido uma grande mudança de mentalidade, eu passei a identificar características específicas que me atraiam em uma mulher como esposa. Isso colocou as prioridades no lugar certo na minha mente, e desmistificou algumas coisas. Quando nós nos reaproximamos eu vi que a Luana não era moça para fazer côrte, era moça para casar. Como um homem crescido abandonei toda vergonha de adolescente e fui direto ao ponto, falei do meu interesse por ela e que aos meus olhos ela era moça para casar. É claro que ela ficou caidinha por mim.

Luana: Esses 100 km as vezes eram perto o bastante para ele fugir do seminário dias de semana para me visitar (se você é do sudeste entenda que 100 km para nós é longe). E as vezes era longe o bastante para ficarmos quase um mês sem nos encontrar. Foi aí que decidimos que no fim de 2014 eu me mudaria para Goiânia, transferiria minha faculdade e passaria a morar em uma república. Não tente fazer isso em casa rsrsrs, só tomamos essas decisões porque tivemos pleno apoio dos nossos pais, afinal sempre a nossa bússola para entender a vontade de Deus. Muito se fala hoje sobre autoridade espiritual, porém pastores e líderes não tem base bíblica para serem mais honrados que os pais. Nós não pedimos a autorização dos nossos pastores e sim aos nossos pais, então comunicávamos aos nossos pastores para que nos abençoassem. Andar nesses princípios foi uma grande bênção pra nós.

Rafael: Enquanto em cidades diferentes tínhamos sempre o costume de orar juntos mesmo que por telefone, e como Deus nos respondia. Ao organizar a cerimônia do casamento descobrimos que tudo que buscássemos o Senhor nos daria (que pena que não buscamos mais coisas). Ganhamos tudo que sonhamos, mas foi um grande teste de fé. O que nos fez permanecer foi sempre uma convicção e paz interior que mesmo em meio a discussões sérias podíamos perceber. O Senhor se fez muito presente. Uma grande dificuldade que tive foi a adaptação cultural. Tivemos criações muito diferentes, e é aí que se separam os meninos dos homens. Precisei ter maturidade para abandonar questões periféricas, como que tipo de batom eu gostaria que ela usasse, ou que estilo de musica ela deveria ouvir. Ao invés disso decidi focar nas coisas mais importantes, pelas quais fiz questão de discutir até o fim. Esse alinhar foi algo muito doloroso, processo esse que às vezes ainda temos que passar.

Quando a data do casamento foi se aproximando nós percebemos que não tínhamos poupado nenhum centavo e que não tínhamos nada. Pensamos em adiar a data várias vezes até que ouvimos o seguinte conselho: “não adie seu casamento, nem um mês, nem um dia, nem um minuto.” Foi aí que decidimos acreditar no alinhamento divino, e então, e só então as coisas começaram a acontecer. Aprendemos que ser adultos algumas vezes significa entrar por um caminho sem volta. É quando você é obrigado a tomar decisões irreversíveis. Sabemos que o planejamento prévio era o melhor caminho, porém, naquelas circunstâncias seria para nós uma escolha contrária aos impulsos do Espírito em nós.

Nossos amigos e familiares se envolveram no nosso sonho e entraram conosco de cabeça, possibilitando não apenas que a cerimônia acontecesse, mas também que nós acreditássemos de verdade que tudo iria dar certo.

Se pudéssemos deixar uma mensagem apenas, diríamos “escute a voz de Deus”. Isso implica em escutar o seu espírito, o seu companheiro, seus familiares, e as demais pessoas que Ele colocou na sua vida. Em nossa experiência entendemos que o casamento não é o desfecho, mas sim o início da jornada de uma família.

Por isso não se relacione para casar, mas sim com a intenção de ser casado, ter um cônjuge, construir uma família, levar uma pessoa a viver os melhores dias da vida dela ao seu lado.

foto1

Rafael e Luana – Hoje fazemos planos de quando adotaremos um cachorro, quando adquirir um automóvel, e de quantos filhos teremos. Estamos em obras 😉

 

Testemunho: Rafael e Luana
Igreja: Videira – Goiânia

Se você também tem um testemunho, envie um  e-mail para: contato@odiáriodazoe.com.br
Lembre-se o testemunho edifica a igreja, não deixe de compartilhar.


#Relacionamentos | Hall da Corte – Enquanto espero, como devo agir? (Para meninas) I

tumblr_l918f18ein1qaesqjo1_500_large1

 

Olá!

O blog está voltando à ativa, realmente não dá para fazermos nada sozinhas. Eu preciso da Dani aqui e com certeza ela precisa de mim (não estou sendo convencida! Hahahahaha).

 

O título do post está sinalizado para meninas, mas se você é um menino, não se sinta acusado em ler. Informação nunca é demais! 🙂

 

Quando pensamos em como agir durante a espera pelo nosso futuro esposo, sempre pensamos que temos que ser mulheres de respeito, puras, santas e “recatadas”. Essa é uma palavra antiga, mas que tem um significado muito forte, principalmente para nós cristãs!

Vamos entender melhor?

Recato

  1. Resguardo; precaução; cautela; cuidado.
  2. Pudor; pureza; vergonha; moralidade; honestidade; modéstia; simplicidade.
  3. (FIg.)- Lugar retirado; recanto; retiro; recesso.

Recato tem vários significados e todos são virtudes.

Informação retirada do site: dicionarioinformal.com.br

 

Gostei da definição de que todos os significados de recato são virtudes, pois dentro da palavra de Deus somos encorajadas a sermos mulheres virtuosas.

Estive pesquisando sobre o assunto e encontrei esse vídeo do Paul Washer:

 

O que me impactou nesse vídeo é que ele fala que a mulher de Deus atrai os homens, não pela beleza ou sensualidade (que é maligna e que revela um coração imoral), mas sim por Cristo manifesto na vida dela. Por mim eu poderia parar aqui falando sobre como agir enquanto esperamos… mas calma, vou falar um pouco mais.

Porque estou falando a respeito disso? Pois as mulheres cristãs de hoje estão um tanto quanto perdidas em meio ao comportamento que o mundo exige de nós e de como de fato temos que nos portar.

Mesmo com o avanço da internet e com tanta informação sobre pureza, santidade, guardar o coração, côrte e etc, vemos muitas mulheres agindo de forma completamente mundana na forma de se vestir, de falar e de agir com relação ao sexo oposto. Já falamos aqui no blog a respeito da santidade no vestir e que dessa forma guardamos os irmãos de pecarem. Infelizmente o que temos visto são mulheres que oram por santidade, mas que agem de forma que provoca os homens a avançarem alguns limites com elas.

A palavra de Deus nos fala em I Timóteo 4:12 para sermos exemplo, padrão para os cristãos no falar, no agir, no amor, na fé e na pureza.

 

Não deixe que ninguém o despreze por você ser jovem. Mas, para os que creem, seja um exemplo na maneira de falar, na maneira de agir, no amor, na fé e na pureza. – I Timóteo 4:12

 

 

No falar

 

A maneira de uma mulher falar é algo muito importante, e aqui não me refiro apenas às palavras que são utilizadas, mas também a forma que a mulher de Deus se comunica, o que ela transmite.

Hoje com a facilidade de comunicação onde temos Smartphones, WhatsApp, Facebook, Instagram e mais um monte de redes sociais para expor as nossas vidas para aqueles que nos seguem, temos que analisar bem qual imagem temos passado.

Falando em falar…rsrsrsrs o WhatsApp é uma ferramenta muito boa se utilizada de forma sábia e para o bem, ela aproxima as pessoas e nos dá a oportunidade de falarmos com os irmãos que as vezes estão longe ou tem a rotina diferente da nossa, – já fiz até célula por WhatsApp… kkkk o pessoal mandava áudio com as orações e o compartilhar, muito legal! – mas é claro que se não soubermos usar, só nos fará mal. De tempos em tempos eu faço um jejum, nem que seja de um dia inteiro sem as redes, para que eu não fique bitolada e nem esteja trocando as prioridades na minha vida. Mas falando a respeito da facilidade que essa ferramenta nos trás, temos que como mulheres de Deus estabelecer algumas “regras” para nós mesmas e para os outros, porque o nosso coração é enganoso e corrupto (Jr 17:9).

Sempre instruo as meninas que caminham comigo a não conversarem no privado com meninos, sempre compartilharem o que tem a dizer nos grupos, seja da célula, da rede ou da igreja… afinal, se não tem nada de mais, não tem problema de todos lerem sobre o que estão falando também, não é mesmo?! E sempre falo também para terem um limite de horário para responderem as mensagens.

 

tumblr_mdcncqc3831qmai7go1_500_large

Imagine só a situação: uma mulher solteira, de Deus, conversando depois das 01h da manhã no privado com um irmão da igreja. Pode sair algo bom daqui? Na maioria das vezes, não.

Conforme eles vão conversando sobre as coisas de Deus, o coração pode suscitar sentimentos que podem até ser legítimos, mas que muitas vezes não são para aquele tempo ou até mesmo não com aquela pessoa. 😮 Quando os dois forem se dar conta, podem estar na temida Pré-Corte e apaixonados, não conseguem enxergar que estão errados.

Entende que tudo começou com uma conversa no privado? Algo aparentemente inocente, mas que tem atingido dezenas de mulheres e atrasado o processo de Deus na vida delas. Isso faz com que elas percam o precioso tempo se envolvendo nisso e atrasem a chegada do tão sonhado esposo. *_____*

 

Quero te alertar hoje para como você tem se relacionado com os meninos que te cercam? Como andam as suas conversas no WhatsApp? Você só fala no privado? Passa das 02h da manhã batendo papo? Lembre-se sempre, quem estabelece os limites de uma relação é você e se você dá esse tipo de abertura, para recuperar depois é um pouco penoso.

 

Bom, vou parar por aqui… na próxima semana continuamos falando sobre como agir no tempo de espera. Mas nesses dias, analise bem como tem sido a sua fala. Paulo exorta Timóteo para seu padrão, exemplo. Seja exemplo também, não deixe que desprezem a sua mocidade. 😉

 

 

 

Com amor,

 

 

eu noivaaaaaa

 

E-mail: anacarolina@odiariodazoe.com.br

Insta: anacarolina.dz

Snap: anacarolina.dz

 


#Relacionamentos | Côrte – Ponto fraco?

LEGO-Superman-Kryptonita_ok

Olá pessoal!!

 

Confesso que tenho andando sem muita inspiração para escrever, mas algo nesses dias me deu um estalo e resolvi compartilhar com vocês. 🙂

 

Quando éramos solteiras, não tínhamos tanta informação sobre a côrte com a facilidade que temos hoje. Existem blogs, livros, ministrações, fazemos workshops e seminários. Se você faz parte de uma das igrejas da Vinha/Videira, deve saber que o que eu estou falando é verdade, sempre falamos sobre a côrte.

 

Diante disso tem uma pergunta que não quer calar: Mesmo com toda essa informação, porque temos jovens que caem ou abandonam os sonhos de Deus por conta de um relacionamento fora da vontade de Deus?

 

Bom, isso tem realmente me intrigado nos últimos dias, temos toda essa informação, mas falta o fundamental: a REVELAÇÃO da visão da corte e de viver a vontade perfeita de Deus.

 

Mas como assim, revelação?

Vou exemplificar: Sabe quando lemos um trecho da bíblia mil vezes e na 1001x lemos e temos aquele estalo, onde entendemos realmente o que está sendo dito ali e temos convicção daquela palavra? Pois bem… a revelação é isso! É quando você entende de fato no seu espírito, então aquilo se torna vida em você.

 

entendi-gif-bcq

 

Voltando a pergunta inicial, isso infelizmente acontece por conta da falta de revelação… costumamos dizer que esse tipo de crente, é o crente cabeção! Ele tem muita informação, mas não tem revelação, então não se torna vida nele e é algo pesado de se carregar, de levar adiante.

 

A visão da corte é uma visão de santidade e antes que a pessoa comece a vivê-la, existe o tempo de espera. E é aqui que muitos acabam “escorregando” e perdem a bênção. Muito já falamos sobre o tempo de espera aqui no blog, você que sempre nos acompanha já deve saber o que fazer, como fazer, como eu e a Dani fizemos em nosso tempo de espera, mas quando a situação acontece com você, aí a situação é um pouquinho diferente…

 

Você pode conhecer a côrte, saber o que se faz antes, durante e depois… mas só saberá de fato como é, quando começar a viver. Aqui procuramos tirar dúvidas, orientar… mas cada pessoa tem uma resposta diferente.

 

Vejo irmãos que agem como se já soubessem de tudo, são verdadeiros Supermans, convictos, que entregaram o coração à Deus, que estão orando pelo cônjuge e fazendo a sua listinha, nada os atingirá… mas assim como o Superman, sempre existe um ponto fraco, uma kriptonita, que tira as forças e os faz desfalecer. A kriptonita desses irmãos é a vida sentimental, e quando surge a primeira crise de carência, agem sem vigilância e claro que ela bate na porta, a PAIXONITE AGUDA! Então, todo o “conhecimento” e convicção que se tinha vão ralo abaixo. 🙁

 

O tempo de espera realmente não é fácil, mas é o tempo onde a sua fidelidade/confiança em Deus será provada (no sentido de fazer apenas a vontade d’Ele), e aguardar pela hora certa onde irá se relacionar e essa crise toda passar. Mas até esse dia chegar, é necessário responder à Deus de forma positiva.

 

Quero nesses dias te encorajar a tomar a posição de uma pessoa realmente consagrada e de sempre, SEMPRE confessar diante de Deus as suas fraquezas e procurar ajuda, pois quando a kriptonita for colocada diante de você, será inevitável, você desfalecerá e não suportará. Caminhe com a sua liderança e sempre ler algo sobre a corte, ore para que tenha revelação sobre isso e não viva a côrte na lei, mas sim desfrute da graça na côrte.

 

Abraços,

 

carol

E-mail: anacarolina@odiariodazoe.com.br

Insta: @anacarolina.dz

Snap: anacarolina.dz


 
1 2 3 7
 
Top